Catálogos técnicos: ferramentas de divulgação da empresa

Os catálogos técnicos são a porta de entrada da empresa para consumidores que estão em busca de produtos e serviços. Essas publicações reúnem informações importantes sobre tecnologias, benefícios e usos e podem ser a peça-chave na comunicação com os stakeholders.

No catálogo, a empresa pode fazer a descrição detalhada do que oferece, apresentando, inclusive, todos os diferenciais, vantagens e dicas e, importante considerar que a compilação organizada das informações deve ser utilizada para o conhecimento interno. Alinhar a comunicação com os funcionários sobre o que a empresa produz é fundamental para eles realizarem melhor o trabalho.

A produção adequada de um catálogo transmite a mensagem aos clientes de profissionalismo e organização. Empresas com escopo de trabalho bem definido devem apostar nesse meio para divulgar seus produtos e serviços. A Stampa tem uma ampla expertise na produção de catálogos técnicos e indica alguns passos que devem ser seguidos para a correta produção de um catálogo, para começar descreva:

1) O que faz a sua empresa.

2) O que faz o produto ou serviço.

3) O perfil do cliente.

4) Detalhe do conteúdo (especificação técnica, usos, tecnologias, diferenciais do produto e em relação à concorrência)

5) Organize fotos, imagens, desenhos e outras informações úteis à definição do catálogo.

6) Defina qual é o valor do seu investimento.

É muita informação? Chame a equipe da Stampa para ajudar na definição das informações e criação do catálogo. Confira alguns exemplares aqui e aqui.

Anúncios

Como tornar o conteúdo técnico atrativo

A produção de uma publicação com conteúdo técnico, como catálogos de produtos ou revistas para um setor específico, é um desafio. Como tornar atraente sem perder o foco? É possível chamar a atenção do leitor mesmo quando a temática é extremamente técnica? Sim, é possível, e o Blog da Stampa vai mostrar o caminho.

Identifique o público-alvo

Qual é o público que eu quero atingir com essa revista/manual/catálogo? São pessoas do setor? É para o público final? A partir daí, pode-se analisar qual linguagem utilizar e também a melhor abordagem no design. Não adianta fazer um infográfico com números se o leitor for leigo. É preciso explicar as informações e adaptar o projeto. Por exemplo: para um determinado público-alvo, é melhor demonstrar dados por meio de gráficos de pizza ou barra. Enquanto para outro público, é recomendável utilizar tabelas. Depende da linguagem técnica de cada setor.

Clareza e objetividade no texto

O conteúdo precisa ser claro e objetivo, pois não é uma revista literária ou com conteúdo jornalístico. Em geral, as publicações técnicas abordam especificações de produtos ou serviços, então é fundamental ficar atento aos dados e organizá-los da maneira mais coerente possível. É necessário entender bem do segmento do cliente para organizar o conteúdo visando sempre uma experiência agradável ao leitor final do catálogo.

Revisão atenta

O revisor precisa ficar atento a todos os detalhes do conteúdo. Assim como em qualquer outra publicação, é essencial evitar erros, seja na confusão de números ou na troca de informações. Lembre-se, o público que irá receber o material ou é muito especializado ou é totalmente leigo. Em ambos os casos, os prejuízos serão grandes se os dados forem omitidos ou equivocados.

Diagramação atraente, mas com o padrão do cliente

Na mesa do designer, o briefing correto é fundamental para auxiliar na execução do trabalho.  Se já for cliente antigo, provavelmente a equipe terá o know-how para criar, mas, se o job for novo, é preciso seguir o mesmo padrão já realizado pela empresa ou entender a solicitação do cliente. O designer precisa ter uma visão ampla do estilo de design da identidade visual do cliente e preservar a unidade visual da marca. Em revistas ou catálogos, a linguagem informal não é a melhor opção, visto que envolve a apresentação de produtos ou serviços. Você não gostaria de receber o catálogo da sua nova televisão cheio de cores, fontes brincalhonas e flores, certo? O cliente também não.

Em busca da capa perfeita

A escolha da capa é desafiadora. Como tornar uma publicação tão específica e complexa atraente? A equipe do design precisa incorporar o melhor ângulo do produto ou serviço, a melhor apresentação e a imagem ideal, tudo sem perder o estilo do cliente. A dica é enviar diversas opções, dessa forma, mostra que você está disposto a encontrar a capa perfeita.

Conteúdo e forma alinhados

A Stampa é reconhecida pela excelência na realização dos trabalhos. No caso das publicações técnicas, revisa e editora a Conselho em Revista, do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul (CREA-RS), a Revista Cremers, do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul (Cremers), e os catálogos da Massey Ferguson, Valtra, Challenger, Kepler Weber e Vipal.